quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

É TEMPO DE MUDAR



E perguntaram para Deus:
O que mais te intriga nos seres humanos?
DEUS respondeu: Eles fartam-se de ser crianças e têm pressa por crescer, e depois suspiram por voltar a ser crianças...
Primeiro, perdem a saúde para ter dinheiro e logo em seguida, perdem o dinheiro para ter saúde...
Pensam tão ansiosamente no futuro que descuidam do presente e assim, nem vivem o presente nem o futuro...
Vivem como se fossem morrer e morrem como se não tivessem vivido!
Reflita sobre isso...
Pois você ainda tem tempo para acertar sua vida, todos os dias quando você acorda, recebe o mais belo de todos os presentes.
A DÁDIVA DA VIDA.
DEUS lhe deu e você a administra, faça com que realmente valha a pena.
(Dalai Lama)

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Advento

"Haverá sempre uma estrela no caminho de quem procura, importa procurar"...










Tenhamos uma semana de ALEGRIA!!!
Abraços, Marluce

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Advento "Tu vens, Tu vens, eu já escuto os teus sinais"!




Advento é o tempo litúrgico que antecede o Natal. São quatro semanas nas quais somos convidados a esperar Jesus que vem. Por isso é um tempo de preparação e de alegre espera do Senhor. Nas duas primeiras semanas do advento, a liturgia nos convida a vigiar e esperar a vinda gloriosa do Salvador.  Nas duas últimas, lembrando a espera dos profetas e de Maria,  nos preparamos mais especialmente para celebrar o nascimento de Jesus em Belém.
Até um tempo atrás se associava o advento com o tempo da quaresma, tempo de jejum e penitência. Mas na verdade, o advento é um tempo de alegre esperança da chegada do Senhor. Jesus vem e isso é motivo de muita alegria. Na verdade, Jesus já veio e virá uma segunda vez. Esse é o ensinamento da Igreja. Mas nosso encontro com Jesus que vem, acontece todos os dias. Jesus vem até nós na pessoa dos nossos irmãos e irmãs, de um modo especial os mais sofredores. Ou mesmo em tantas formas de presença onde o Cristo ressuscitado vem até nós, na oração, na celebração litúrgica ou quando nos reunimos em sue nome. Nosso encontro definitivo com Jesus se dará quando morrermos e participarmos com ele de sua glória, no seio da Santíssima Trindade. Por isso, o cristãos somos convidados a viver num constante advento, antecipando, na nossa frágil e muitas vezes debitada história, esse encontro definitivo.
Com o advento inauguramos o "ciclo do Natal" que se estende até a festa do batismo de Jesus em janeiro.

Fonte:http://www.psleo.com.br/advento.htm

Que tenhamos um SANTO advento a espera daquele que virá trazendo a libertação!
Abraços esperançosos, Marluce

terça-feira, 23 de novembro de 2010

TERCEIRO ANO 2010

E não é q vcs já estão fazendo falta rsrsrsrs?

Queridas e queridos, por favor olhem a sugestão de placa escolhida pelos alunos q ainda estão vindo a aula, o nome da turma e mensagem colocadas a partir de algumas sugestões que recebi. Encontrei essas ai.

Turma: “Quem acredita sempre alcança”.

Mensagem:

“O valor das coisas não está no tempo em que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis”.... Não basta lutar. Não é bastante a presença do dever ser humano. É preciso ampliar cada sinal que aponte para um novo e diferente vínculo onde o afeto e a conquista estejam presentes. É preciso que a dignidade seja a mediação ética referendada no caminhar humano".
Valeu a pena? "Tudo vale a pena se a alma não é pequena."

Fernando Pessoa




A foto ficará no meio.

Estou tentando consegui o padrinho pra dar a placa em breve informarei, a placa pequena custa R$ 30,00, estou com o modelo, quem quiser deve fazer o pagamento até sexta-feira.
Comentem com vossas opiniões, a maioria vence rsrsrsr.
Bjs

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Uma história sugestiva

Texto do Padre Fábio de Melo (Há algum tempo conheci essa história e hoje, passeando pelo site do Pe. Fábio a reencontrei, história bastante significativa, reflitam).




Tive a oportunidade de conhecer a África do Sul. Uma viagem fascinante. A grandeza do país está exposta nos pequenos detalhes. Um lugar onde as cores prevalecem. Nas paredes, na paisagem, nos tecidos e nas almas.
javascript:void(0)
A África é um país musical. Em tudo há a prevalência de um som orgânico, nascido dos lugares, emitido sem reservas, sem descanso. Brota da natureza e das bocas. Nasce ao som de tambores e instrumentos rudimentares retirados do contexto da utilidade doméstica. Vida pragmática sendo transformada em vida simbólica. Criatividade de um povo que reconhece a vida como território da revelação divina. Aliás, admiro muito as comunidades humanas que não caíram na resolução fácil que divide o mundo em duas partes: sagrado e profano.

Sempre tive predileção pela musicalidade negra. Acho instigante a construção melódica que costura numa mesma pauta acordes felizes e acordes tristes. Mixórdia que revela a luta de antepassados; homens e mulheres que construíram a história que hoje perpassa o canto que meus ouvidos escutam. De um lado, os colonizadores, invasores que resolveram estender os poderes de suas pátrias, obedecendo ao instinto rudimentar do poder.

Força que legitima os absurdos das guerras, invasões e outras irracionalidades humanas. De outro, os colonizados, os legítimos donos da terra, os curadores do espaço. Música que conta os sofrimentos do degredo, mas que também revela as esperanças que a escravidão não conseguiu sufocar.

Durante a viagem pude ouvir muitas histórias sobre diferentes tribos africanas. Uma delas me comoveu. Uma história musical. É o relato de um costume preservado por uma tribo. Para cada criança que nasce uma música é composta. Uma oferenda que marca a entrada da criança no mundo. Música que estará diretamente ligada à identidade pessoal. Ela cumpre papel de ser a trilha que sonoriza os momentos importantes da vida daquele que a recebeu.

Há um fato interessante. Segundo a história que ouvi, além de ser cantada nas celebrações felizes, a música é utilizada por ocasião de grandes deslizes cometidos pela proprietária da música. Funciona como uma espécie de purificação. Ao perceber o desvio de caminho, a comunidade se reúne e canta, para que a pessoa, ao ouvir a sua música, possa ter a possibilidade de voltar ao formato original, ao início de tudo, momento em que a música lhe foi ofertada. Esse costume me fez pensar no quanto é necessário ter um referencial que nos faça voltar ao estado primeiro das coisas. Uma voz, uma palavra, um lugar, uma música, enfim, qualquer coisa que pertencesse à nossa memória afetiva, e que tivesse o poder de nos fazer voltar a nós mesmos. Algo que pudesse nos fazer enxergar melhor o contexto de nossas escolhas. Algo que nos ajudasse na reconciliação com nossos limites, sobretudo no momento em que os erros prevalecem sobre os acertos, e a vida se apresenta difícil demais diante de nossos olhos. A história me fez refletir sobre a arte de recomeçar.

Verdade ou lenda? Não importa. A história já virou verdade em mim. A partir de hoje quero estar atento a tudo o que me recorda quem sou. Esteja também. Mais cedo ou mais tarde precisaremos deste instrumental.


QUE DEUS NOS AJUDE A LEMBRARMOS SEMPRE DE QUEM SOMOS E DESCOBRIRMOS A CADA DIA A NOSSA MISSÃO...
Boa Semana a todos!!!
Bjs, Marluce

domingo, 31 de outubro de 2010

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Só em Ti, Senhor...

"Quando me sentir frágil e pequeno, quero descansar em Ti, Senhor, e confiar que irás agir".
Sl 37,7





Pronto, estudei o que pude... não estudei como deveria mas, tenho plena consciência que estudei o como pude, com o tempo disponível que tinha. A prova já foi feita :(,poderia ter sido melhor!!! Agora é esperar o resultado.
Bom mesmo foi sentir o apoio, o cuidado e as orações dos AMIGOS... o "estou torcendo", "estamos juntos", fez muita diferença. Prova de amor de Silvano... o cuidado, a dedicação, o apoio e o amparo nos dias que antecederam as provas e nos dias de prova.
I S S O V A L E M U I T O!!! Muito OBRIGADA!!!
Durante esse tempo de estudo conheci pessoas, ganhei amigos, revi outras, aprendi muito e descobri "Há uma quarto homem na fornalha" CF - Daniel 3. E me lembraram que " O perfeito AMOR LANÇA FORA O MEDO!". Eu estava com medo mesmo, medo desnecessário...

O cuidado de Deus em minha vida é ÍMPAR, me sinto, ainda, tensa e ansiosa mas, não deveria pois sei que a vontade de DEUS na minha vida se cumpre e ELE tem sempre o melhor reservado pra mim.
Descanso em TI SENHOR, e sou grata por TUA Bondade e Misericórdia.

Com gratidão e amor, Marluce Silva

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

De volta ao começo...



Um tempão sem vir aqui atualizar, cuidar desse cantinho.
Enfim, voltei... e trago no coração velhos sonhos que teimam em fazer-se presente mas, tão bom é sonhar e ver a possibilidade de tr um sonho realizado.
Estou passado, rapidinho... só pra dizer olá e desejar que os nossos sonhos, aqueles que estão em nossos corações virem realidade se for para o nosso bem, Deus nos abençoe.
A pressa com que passo também faz parte do alicerce desse sonho... preciso estudar. O dia da prova para a seleção do MESTRADO (sonho tão sonhado) se aproxima, projeto pra entregar e textos e mais textos pra ler.
Vou lá e volto já.
Bjs, sonhem comigo seus sonhos e os meus!!!

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Um Tempo Para Cada Coisa...




UM TEMPO PARA CADA COISA
Eclesiastes 3, 01 a 09

Debaixo do céu há momento para tudo,

e tempo certo para cada coisa :

Tempo para nascer e tempo para morrer.

Tempo para plantar e tempo para arrancar a planta.

Tempo para matar e tempo para curar.

Tempo para destruir e tempo para construir.

Tempo para chorar e tempo para rir.

Tempo para gemer e tempo para bailar.

Tempo para atirar pedras e tempo para recolher pedras.

Tempo para abraçar e tempo para se separar.

Tempo para procurar e tempo para perder.

Tempo para guardar e tempo para jogar fora.

Tempo para rasgar e tempo para costurar.

Tempo para calar e tempo para falar.

Tempo para amar e tempo para odiar.

Tempo para a guerra e tempo para a paz.

*********
Nada melhor do que começar a semana tendo a certeza de que há um tempo pra cada coisa debaixo do céu. Que o Senhor nos ajude a fazermos a nossa parte!!!
Uma linda semana para todos nós!!!
Com Esperança, Marluce Silva

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Perdas desnecessárias!




Diante de tantas notícias trágicas durante esses tempos, temos a impressão de que não nos surpreenderemos com mais nada...
Meu Deus, o que se passa pela cabeça de uma pessoa que trama em tirar a vida de outra?
A vida é um Dom dado por Deus, um sublime presente, quem pode tirar?
Atualmente, infelizmente, tornou-se comum vermos reportagens com casos de assassinatos...
São filhos que matam pais e mães e vice versa, companheiros, amantes, amigos, tanta gente que comete assassinato e por motivos tão banais!!!
Vi no noticiário dia desses que um filho matou a mãe pq ela pediu que ele baixasse o volume da tv, depois a enterrou no quarto e espalhou cartazes pela cidade procurando-a como desaparecida, fiquei perplexa... que horror! E tantos e tantos casos que vemos todos os dias no jornal e na tv, casos absurdos que jamais poderíamos imaginar que alguém pudesse ser capaz!
Mas, se há algo que me partiu o coração foi o caso da Francesa Dominique Cottrez: "Como não tomava anticoncepcionais, resolveu asfixiar os bebês logo após o nascimento em casa". O que podemos pensar de uma criatura dessas? que coragem??? Q falta de amor! O que ela tem no lugar do coração?
Certamente não tenho a intenção, muito menos a pretensão, de julga-la, apenas coloco-me em atitude de reflexão e dor pela perda dessas vidas... quanto carinho e quanto amor poderiam ser a elas destinados...
Fica aqui o meu protesto contra essa atitude e a de tantas mulheres que sentem-se no direito de matar uma criança que traz no ventre através do aborto, as estatísticas são assustadoras é cada vez mais comum a prática do aborto no Brasil, que pena, não teem consciência de que cometem assassinato contra a quem não tem nenhuma condição de se defender...
Peço a Deus que nos guarde e livre a humanidade da frieza do coração que parece uma epidemia.
Com lamentação,
Marluce Silva

terça-feira, 13 de julho de 2010

Uma vida parada ou uma parada na vida?





Férias é tudo de bom... quando criança não gostava muito de férias, elas representavam estar longe da escola e consequentemente dos amigos e das brincadeiras, mas eu tratava de aproveitar e fazer ao menos uma coisa diferente, fora da rotina, só pra ter o que escrever na redação "Minhas Férias" q com certeza na volta às aulas a professora iria pedir pra fazer.
Nossa como era bom voltar e ter o que contar, ainda q fosse uma tarde diferente, uma ida a casa de algum parente (no sítio). ai, ai, ai era bom demais. Eu sempre ia ao sítio (em pedra miúda) rsrsrsrs, ficava hospedada na casa de tio Pedro e Severina, pasava uma semana lá, ia no sábado qnd eles iam a feira em Gravatá e voltava no outro sábado qnd eles iam a feira de novamente kkkkkkkkk; brincava demais... eram muitas aventuras, acordar cedinho, ver o tio tirar leite da vaca e depois beber (mesmo sem gostar) só pra ter o q contar na redação kkkkkkkkk, ouvir o galo cantar, colocar milho pras galinhas e no galinheiro tinha uma que era minha (Marilú q depois foi pra panela), tomar banho no açude, correr apostando carreira com um trator rsrsrsrsrs, dormir ouvindo tia contar histórias, que ela chamava de "história de trancoso" (não sei pq), ao som dos sapos sob a luz do candieiro, meu Deus q saudade desse tempo. A noite eu chorava com saudades de mamãe e queira voltar pra casa, mas qnd amanhecia eu queria ficar rsrsrsrs.
Hoje eu conto os dias pra ficar de férias e não quero nem pensar quando elas vão acabar, não tenho mais que fazer a tal redação, mas continuo querendo viver intensamente cada momento, experimentar novos sabores, novas emoções, ver novas cores...
Tão bom ver o tempo passar e não se preocupar com a hora...
Tão bom pedir um prato e não se preocupar com o tempo q ele leva pra ficar pronto, nada tem hora marcada...
Tão bom assistir Shrek 3D e se sentir a Fiona, refletindo sobre a vida e ganhado tantas batalhas, sabendo q o q fica na vida é o que se vive com amor... tão. bom, tão . bom, tão bom...
Conhecer o Pelorinho, admirar o mar, ir a Igreja do Bonfim rezar por nós e pelos amigos, ao farol, ter medo da fita kkkkkkkkkk, comprar fitinhas e patuá (ai q medo) rsrsrsrsrs. Tão bom moquecada e molecada, tão bom Salvador, mesmo sem gentilezas, (os Soteropolitanos não tem nada de devagar, pensam rápidos, falam mais rápido ainda), Tão bom Mangue seco,(terra de Tieta) um paraíso onde a vida quase não passa... lá sim a vida é parada... um lugar pra relaxar, tão bom os doces de D. Ana Flora Amado (prima de Jorge amado) tão bom passear de barco e de bugre, uhuuuuuuuuuuuu. Tão bom andar de balsa dentro do carro, tão bom Aracajú, uma capital com ares de cidade do interior, linda, bem projetada, aconchegante de povo gentil. Ai, ai... tão bom está com amores (Vaninho e Matheus) e amigos (Mano, Joseane e Jonas), tão bom está no hotel olhando para o mar e blogando.
Tão bom ser feliz e não querer pedir nada a DEUS, só agradecer, tão bom não precisar fazer redação e querer escrever.
Tão bom olhar a vida passar sem precisar acelerar...
BOAS FÉRIAs PRA TODOS NÒS!
Com tranquilidade, Marluce Silva.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Ser Ponte




QUERO SER PONTE

Senhor, nasci para unir, vivo para unir, sirvo para unir. Eis minha missão e meu segredo.
Senhor, que maravilha a missão da Ponte. Quero também ser Ponte. Ser Ponte para unir
os homens entre si, unir os desunidos e unir os corações.
Senhor, na estrada da vida, de tantos homens que por mim passam, quero ser ponte. Que
nunca seja muralha que separa, mas sempre uma passagem para que os homens possam
chegar até a ti.

Amém.

Desconheço o autor

quinta-feira, 27 de maio de 2010

“Família, formadora de valores humanos e cristãos”.


II PEREGRINAÇÃO DAS FAMÍLIAS - APARECIDA DO NORTE - SP (28 a 30 de maio)

A primeira Peregrinação aconteceu no dia 24 de maio de 2009 e reuniu 130 mil pessoas no Santuário Nacional de Aparecida,na ocasião, o presidente da Comissão Episcopal para a Vida e a Família da CNBB, Dom Orlando Brandes, afirmou que o evento tinha por objetivo “despertar o brasileiro para o valor e a centralidade da família diante de tantas crises que passamos na atualidade”. Ele disse ainda que “esse evento só vem confirmar a necessidade de defender a família, fortalecer, ajudar e apoiar os congressistas para observarem o seu valor primordial, para que assim eles possam ter base para aprovar urgentemente as causas de tão importante parcela da população brasileira”.





Fonte: CNBB

Que Nossa Senhora Aparecida abençoe todas as Famílias, Bjs e um FDS cheio das bênçãos da MÃE.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Elevo meus olhos para os montes

♥ DEVEMOS OLHAR PARA O ALTO ♥


Elevo os meus olhos para os montes;
de onde me vem o socorro? (Sl 121:1)


Há algum tempo atrás, um jovem marinheiro
estava fazendo sua primeira viagem para o
alto mar. Cruzando o Atlântico, o navio
enfrentou uma pesada tempestade.
O marinheiro recebeu ordens para subir
e verificar as condições das velas.
Enquanto estava subindo, cometeu um erro
e olhou para baixo.
O movimento do navio combinado com o das
ondas deixou-o bastante assustado e
ele começou a perder o equilíbrio.
Um outro marinheiro, mais velho e
experiente, vendo a situação gritou
para o jovem: “Olhe para cima!“ Voltando seu olhar
para o alto, o jovem recuperou seu equilíbrio.
Que nós nunca deixemos de olhar para
Jesus que é o Nosso Socorro sempre
presente.
Desejo a todos um dia abençoado!!!!
Graça e Paz!!

domingo, 23 de maio de 2010

NOSSA SENHORA AUXILIADORA





CONVITE:

DIA 24 DE MAIO, CAMINHADA EM HOMENAGEM A NOSSA SENHORA AUXILIADORA.
SAÍDA DO SALESIANAS AS 7:30h EM DIREÇÃO A MATRIZ DE SANT'ANA.
MISSA PRESIDIDA PELO PADRE JOÃO CARLOS.
PARTICIPE!!!

domingo, 9 de maio de 2010

"Mãe... Até Deus quis ter uma"!!!

FELIZ DIA DAS MÃES!




SE AS COISAS FOSSEM MÃES
Sylvia Orthof

Se a lua fosse mãe, seria mãe das estrelas,
O céu seria sua casa, casa das estrelas belas.

Se a sereia fosse mãe, seria mãe dos peixinhos,
O mar seria um jardim e os barcos seus caminhos.

Se a casa fosse mãe, seria a mãe das janelas,
Conversaria com a lua sobre as crianças-estrelas,
Falaria de receitas, pastéis de vento, quindins,
Emprestaria a cozinha pra lua fazer pudins!

Se a terra fosse mãe, seria mãe das sementes,
pois mãe é tudo que abraça, acha graça e ama a gente.

Se uma fada fosse mãe, seria a mãe da alegria.
Toda mãe é um pouco fada... Nossa mãe fada seria.

Se uma bruxa fosse mãe, seria mamãe gozada:
Seria a mãe das vassouras, da Família Vassourada!

Se a chaleira fosse mãe, seria a mãe da água fervida,
Faria chá e remédio para as doenças da vida.

Se a mesa fosse mãe, as filhas, sendo cadeiras,
Sentariam comportadas, teriam “boas maneiras”.

Cada mãe é diferente:
Mãe verdadeira, ou postiça, mãe-vovó, mãe titia,
Maria, Filó, Francisca, Gertrudes, Malvina, Alice,
toda mãe é como eu disse.

Dona Mamãe ralha e beija,
Erra, acerta, arruma a mesa, cozinha, escreve, trabalha fora,
Ri, esquece, lembra e chora, traz remédio e sobremesa.

tem até pai que é “tipo-mãe”...
Esse, então, é uma beleza

Parabéns a todas as mães!!!
Bjs, Marluce

terça-feira, 4 de maio de 2010

Contrários - Pe. Fábio de Melo

Música profunda, nos proporciona uma reflexão de vida e de caminhada. Contrários-Pe. Fábio de Melo.











Tenhamos uma terça-feira com contrários, isso é vida!
Bjs, Marluce

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Maria, Mãe...

Que tal iniciarmos o mês de maio com as bençãos de Nossa Senhora, sendo acolhidos na paz do colo da MÃE?




Deus ajuntou todas as águas e deu nome de mar,
e ajuntou todas as graças e deu nome de Maria.
(São Luiz de Montfort)

Refletindo...



A mensagem a seguir é linda, tem suas verdades!!! Se você não a conhece vale a pena ler e se você já a conhece vale a pena reler, tenho certeza que alguma frase vai surpreender você!!!



O Menestrel

Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença entre
dar a mão e acorrentar uma alma.

E você aprende que amar não significa apoiar-se e que companhia nem
sempre significa segurança.

E começa a aprender que beijos não são contratos e que presentes
não são promessas.

E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhar adiante,
com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do
amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume
de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar
exposto por muito tempo.

E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam...

E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo
de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso.

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que se levam anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se
arrependerá pelo resto da vida.

Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas
distâncias.

E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida.
E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que os
amigos mudam, percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer
coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas
de você muito depressa. Por isso, sempre devemos deixar as pessoas que
amamos com palavras amorosas. Pode ser a última vez que as vejamos.

Aprende que as circunstâncias e os ambientes têm influência sobre nós,
mas nós somos responsáveis por nós mesmos.

Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com
o melhor
que pode ser.

Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser,
e que o tempo é curto.

Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo, mas se
você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve.

Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser
flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa
quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências.

Aprende que paciência requer muita prática.

Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute
quando você cai, é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que
se teve e o que você aprendeu com elas, do que com quantos aniversários
você celebrou.

Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.

Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens:
poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela
acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva,
mas isso não te dá o direito de ser cruel.

Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame,
não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar
ou viver isso.

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas
vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo.

Aprende que, com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.

Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.

E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais.

E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!

Autor: W. Shakespeare

Um grande abraço e uma semana de APRENDIZADO significativo!!!
Marluce

quarta-feira, 21 de abril de 2010

O silêncio responde muita coisa...



Mensagem linda para uma reflexão e motivação para terminar a semana, após pausa com o feriado.



Carroça vazia
Deconheço o autor

Certa manhã, meu pai convidou-me a dar um passeio no bosque e eu
aceitei com prazer.
- Além do cantar dos pássaros, você está ouvindo mais alguma coisa?
Apurei os ouvidos alguns segundos e respondi:
- Estou ouvindo um barulho de carroça.
- Isso mesmo, disse meu pai. É uma carroça vazia ...
- Como pode saber que a carroça está vazia, se ainda não a vimos?
- Ora, respondeu meu pai. É muito fácil saber que uma carroça está
vazia, por causa do barulho.
Quanto mais vazia a carroça maior é o barulho que faz.
Tornei-me adulto, e até hoje, quando vejo uma pessoa falando demais,
inoportuna, interrompendo a conversa de todo mundo, tenho a impressão
de ouvir a voz do meu pai dizendo:
Quanto mais vazia a carroça, mais barulho ela faz...

Pensemos nisso: Pra quê barulho se o silêncio responde muita coisa.
Bjs silenciosos, Marluce.

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Segunda-feira






















Obaaaaaaaaaaaaaaa segunda – feira!

Dificilmente encontraremos alguém comemorando a chegada da segunda-feira.
Já virou praxe: segunda-feira é o dia da preguiça, o dia da ressaca, o dia do mau humor...
Mas, que tal olharmos a segunda-feira com outros olhos?
Que tal percebermos que a segunda-feira nos possibilita o NOVO, o RECOMEÇO, a segunda-feira nos dar a oportunidade de abrirmos a agenda e avaliarmos a semana anterior, ufa, que bom!
A chegada da segunda-feira torna possível novos planejamentos, novas metas, novas conquistas.
Pense nisso, ainda que devagar afinal, ainda é segunda-feira!!!
Contudo, receba a segunda -feira como início de uma nova jornada e acolha com carinho todas as bençãos dessa semana que, na prática, começa na segunda-feira!!!

Abraços com entusiamo e esperança de uma semana proveitosa, Marluce.

sábado, 17 de abril de 2010

Não tenhais medo

















"Sou eu. Não tenhais medo". Jo 16,20
Evangelho de hoje 17/04/10

Fecho os olhos e consigo imaginar a cena :o mar agitado, o vento forte, a pequena e frágil embarcação a balançar, os discípulos com medo... e então Jesus surge sobre as águas!
Quão profunda era a amizade de Jesus com seus discípulos a ponto dele se aproximar, e apenas dizer: "Sou eu. Não tenhais medo", como quem diz: vocês já me conhecem, sabem que agora as ondas se acalmarão, tudo ficará em paz.
Quando Jesus diz: Não tenhas medo, está dizendo para cada um de nós, não se entreguem, continuem remando, as tribulações acontecem mas, vocês não estão sozinhos.
Bom mesmo é conhecer Jesus e saber que não importa o quanto o mar de nossas vidas estejam ou não agitados Ele sempre estará conosco e em todas as circunstancias de nossas vidas nos diz: “Sou eu. Não tenhais medo.”

Importa desfrutar dessa amizade, desse amor incondicional e atravessar o mar rumo a realização de nossos sonhos.

Abraços e fé “Não tenhais medo”!
Marluce Silva

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Luz e cor na palma da mão

O que seria de nossas vidas sem Luz e Cor?
Disse Jesus: "Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida". João 8,12
Que bom poder desfrutar a vida e vida em abundância, seguir o caminho iluminado pela verdadeira Luz... já não se pode mais andar nas trevas, Ele ressuscitou e vive e reina para sempre, iluminando e colorindo as nossas vidas!
O que pode dar luz e cor a sua vida?
Começe agora, não deixe pra depois use a luz pra enchergar que você tem um caixa com cores variadas e infinitas, agora é só colorir!

Abraços, Marluce Silva, curtindo uma vida iluminada e colorida:)!